As Oficinas


For English version, please see below.

Como parte do programa das oficinas de 2015, artistas, ilustradores, fotógrafos, designers e poetas, assim como estudantes e artistas voluntários, se juntaram ao grupo de forma a ampliar a experiência e auxiliar os alunos na manifestação de suas expressões artísticas e confecção dos azulejos.

Recebemos o historiador Guto Nobre, que nos contou a história da cidade de forma ilustrada e apaixonada, a partir de palestras e visitas guiadas; o designer João Rivera, com oficinas bem humoradas de papel-machê inspirados na fauna e na flora carioca; a fotógrafa Tatiana Altberg e seu projeto Mão na Lata, nascido também na Maré, oferecendo um olhar poético para as nossas casas e espaços de vida; o artista português António Jorge Gonçalves, apresentando seu rico trabalho de ilustração e texto, através de seus livros e seu processo criativo; o coletivo Norte Comum com oficinas de narrativas, lembranças e alegrias; os doces poetas Pedro Rocha e Amora Pêra e as palavras que se encantaram com a nossa cidade e que nos encantam até hoje.

Contamos também com alguns visitantes, entre eles Aceu, índio que veio à Maré nos apresentar o Una Isi Kayawa – Livro da cura: um livro pioneiro, que reúne o profundo conhecimento das plantas e as práticas medicinais do povo indígena Huni Kuin, também conhecido como Kaxinawa, maior população indígena que habita a região do Rio Jordão, no Acre. O encontro foi na bela Biblioteca da Redes da Maré, reunindo crianças e jovens do bairro, além dos nossos alunos.

Em sala de aula construímos uma linha do tempo a partir do ano de 1502, quando os portugueses entraram na Baía de Guanabara pela primeira vez. A linha do tempo possui datas, informações e ilustrações feitas pelos alunos. Ao longo do processo, os alunos criaram uma linha anterior a 1502, com desenhos dos índios nativos na baía de Guanabara, afinal, como disse o aluno José Pedro, ‘antes dos brasileiros, aqui já existiam os índios’.

Ao longo do processo das oficinas e todo esse conteúdo, centenas de azulejos foram desenhados e selecionados para a construção do painel - e alguns deles
transformaram-se em cartões-postais.

Os Cartões-Postais >>
<< Página Inicial


Guanabara Bay = is an oceanic bay located in the state of Rio de Janeiro; it has a wide mouth flanked at the western tip by the Sugar Loaf; in Tupi (Indian language) guanabara means 'the bosom of sea'.

The Workshops

As part of the 2015 workshops, artists, illustrators, photographers, designers and poets, as well as students and volunteer artists, joined the group in order to expand the experience and assist the students on their artistic expressions.

We have invited Guto Nobre, a historian who passionately showed us the history of the city from illustrated lectures and guided tours; João Rivera a humorous designer creating papier-machê masks inspired by the fauna and flora of Rio; Tatiana Altberg a photographer and her pin-hole project Mão na Lata, with a poetic look at our homes and living spaces; António Jorge Gonçalves, Portuguese artist, presenting his rich work of illustrations and texts, through his books and his creative process; the Common North collective workshops with narratives, memories and curious aspects of the city; the sweet poets Pedro Rocha and Amora Pera and the words that were delighted with our city and enchant us all till today. 

Also we have received some distinguished visitors, as Aceu, an Indian who came to present the Una Isi Kayawa - Book of Healing: A pioneering book, which brings together deep knowledge of plants and medicinal practices of the Uni Kuin or Kaxinawa, the largest indigenous population living in the Jordan River, at the Amazon Forest. The meeting was held in the beautiful Library of Maré gathering many the children in the neighbourhood, in addition to our students.

On the walls of our classroom the children have built a timeline with information and illustrations from 1502, when the Portuguese entered the Guanabara Bay for the first time. Throughout the process, students created a line before 1502, with drawings of native Indians of the Bay - after all, as said by the student José Pedro, “before the Brazilians, the Indians were already here".

During the process of workshops, hundreds of tiles were designed and selected for the panel construction - and some of them have turned into postcards.

The Postcards >>
<< Home